QUEM PESQUISA SEMPRE ENCONTRA!!!

Carregando...

terça-feira, 22 de junho de 2010

Profissões verdes



A sociedade se torna cada vez mais consciente sobre seu papel e responsabilidade. A crescente preocupação com a qualidade ambiental e as exigências impostas pelas legislações vigentes tem levado indústrias e empresas do mundo todo a buscarem alternativas de produção mais limpa, matérias-primas renováveis, redução e destinação adequada dos resíduos, racionalização no consumo de energia e recursos naturais, entre outros, através dos sistemas de gestão ambiental.
Profissões verdes são as profissões mais promissoras para o futuro. Qualquer trabalho relacionado à redução das emissões dos gases estufa pode ser chamado de “emprego verde”.
Os empregos verdes têm em mente tornar o planeta um lugar melhor, encontrar um modo de criar um desenvolvimento sustentável.
Apesar dos empregos verdes estarem ficando cada vez mais famosos, o Brasil tem muito poucas universidades com formação para o meio-ambiente, entretanto elas existem. Como exemplo a UNILIVRE, uma universidade inteiramente voltada para o meio-ambiente que oferece cursos de gestoria ambiental, intercâmbio, consultoria especializada e mais.
Outras universidades e instituições também abriram espaço para várias profissões verdes. Dentre elas, em São Paulo, a USP, o Senac, a Unesp e muitas outras espalhadas pelas principais capitais.
Esse tipo de emprego nos leva a sempre estar em contato com os acontecimentos ao redor do mundo e nos faz interagir com ONGs universais. As profissões mais tradicionais que foram classificadas como ‘profissões verdes’ são: geólogos, biólogos e ecólogos e as criadas recentemente costumam ser atividades comuns como advocacia, auditoria, engenharia e consultoria, porém voltadas apenas ao meio ambiente.





Isabelle e Paula, 194

Nenhum comentário:

Postar um comentário